4° Dia - Partiu Conhecer Portugal de Motor Home

GIRO DE MOTOR HOME POR PORTUGAL
4° Dia - 26/09/17
Locais visitados: Cabo do Roca e Lorinhã
Pernoite: Estacionamento a Beira da Praia de Lorinhã.

No dia seguinte, após nosso primeiro pernoite e uso do Motor Home, ficamos com algumas dúvidas em relação ao aquecimento de água da casa. Achamos que o sistema de aquecimento estava com defeito, motivo pelo qual, como ainda estávamos em Sintra, voltamos a locadora para mostrar a dificuldade. Ali mais uma demonstração por parte da "gerente", de grosseria e falta de tato no trato com pessoas, ou com brasileiros (cheguei a pensar que o problema era o fato de sermos brasileiros). Dificuldade esclarecida pelo proprietário, esse sim demonstrando muita boa vontade, simpatia e seriedade, já com a hora adianta, finalmente conseguimos partir. Resolvemos conhecer o Cabo do Roca, ponto mais ocidental do continente europeu. Um local belíssimo,
porém com um grande afluxo de turistas, e como em todo aglomerado humano, veremos os mal educados e sem noção, por isso constatamos tristemente que um local tão lindo como 
este, com uma paisagem exuberante, rodeada de imensos desfiladeiros, sendo danificado com lixo espalhado pelo chão, e pelo efeito dos ventos, preso a vegetação rasteira, característica do local. Tudo isto, como falei, por culpa de alguns poucos sem consciência e noção. Mesmo assim, um local que vale a pena ser visitado. De lá, seguimos a Lorinhã, cidade litorânea, à aproximadamente 101 km de onde estávamos (quilometragem referente as auto estradas, chamadas de via rápidas, porém pedagiadas. Por outros caminhos, a km é menor). Lá em Lorinhã, a intenção era visitarmos o museu paleontológico desta cidade, mais um para a lista dos nossos "pequenos astronautas caçadores de Dinossauros". A intenção era dormir no camping local, porém este estava lotado com os "rodas quadradas" (campistas que alugam e mantêm definitivamente seus traillers no camping). Desta forma pernoitamos em um estacionamento na beira da praia, onde curtimos um belíssimo por do sol. O local não poderia ser melhor.